• Sarah

Salada de abóbora para o outono

Atualizado: 3 de Abr de 2020

Essa salada de abóbora faz parte do #ProjetoSal, onde, uma vez por semana, faço uma receita da Samin Nosrat, do livro Sal, Gordura, Ácido, Calor.


O outono já começou a dar as caras por aqui e prova disso foi que recebemos abóbora da CSA, grupo de partilha de alimentos orgânicos que fazemos parte. E assim a receita dessa semana foi escolhida.


Quando comecei a fazer essa salada de abóbora pensei que seria bem mais simples do que foi. Descobri durante o processo que eram diferentes etapas, todas simples, mas acontece que eu estava esperando algo mais parecido com a salada de pepino vietnamita, e não foi nada parecido. 😂


Durante o processo eu fiquei me perguntando o tempo todo se valeria a pena, porque eu não sou muito fã de nenhuma ingrediente isolado que estava ali. Gosto de abóbora, mas normalmente não gosto muito. Gosto de couve, mas normalmente não consigo comer muito.


Essa receita é:

Ácida

Vegana

Sem glúten

Rica em sabor

Com diferentes texturas



E valeu muito a pena sim! 🙌 Ela é uma refeição inteira por si só. A gente até fez carne no dia porque já estava descongelada, mas foi um erro. No fim deixei a carne pra marmita da semana e comi só salada, de tão gostosa que estava!


Essa receita teve quatro grandes etapas: fazer os croûtons, fazer o vinagrete, assar a abobora e fritar a sálvia. Ta, ta certo que assar a abóbora e fritar a sálvia são coisas simples, mas contou como uma etapa pra mim 🤣


Ah! Importante! Coloquei a receita do vinagrete e dos croûtons aqui no final da página. Siga essa receita de vinagrete! Isso vai fazer diferença no sabor. E outra coisa, eu nunca comi ou vi pra vender pão sem glúten que tivesse casca dura e lembrasse pão rústico, então usei um pão macio pros croûtons e ficou muito bom e crocante também 💃



Como fazer salada de abóbora para o outono 🍂


Ingredientes:

4 xícaras de croûtons

3/4 de xícara de avelã

1 receita de vinagrete de balsâmico com vinagre de vinho tinto

1/2 abóbora, cerca de 1kg (usei cabutiá, mas acredito que pode ser outra)

1 maço de couve

1/2 cebola roxa fatiada bem fininho

1 colher de sopa de vinagre de vinho tinto

16 folhas de sálvia

Azeite


Como fazer:

Antes de tudo, prepare os croûtons para a receita, o passo a passo completo está aqui embaixo! 😉


Preaqueça o forno a 200oC e torre as avelãs até a pele começar a soltar, cerca de 7 minutos. Deixe esfriar e pique grosseiramente. Reserve.


Enquanto isso corte a cebola e deixe macerando no vinagre de vinho tinto. Você já pode cortar a cebola para o vinagrete também e fazer o mesmo procedimento. A receita completa do vinagrete ta aqui embaixo 😀


Enquanto as cebolas descansam, corte e descasque em fatias a abóbora e leve para assar por cerca de 20 minutos, 200oC, ou até que estejam macias. Vire as fatias na metade do tempo, para dourar por igual em todos os lados.


Nesse tempo aproveite para fritar as folhas de sálvia. Esquente óleo em uma frigideira pequena até estar em 180oC. Se não tiver termômetro basta fazer o teste com uma folha de sálvia, jogando ela no óleo e vendo se chia. Frite as folhas. No começo haverá muitas bolhas e um pouco de óleo pode respingar. Frite até as bolhas pararem e a folha mudar um pouco de cor. Retire com um garfo ou escumadeira e deixe espalhadas em um prato forrado com papel toalha, para ficarem bem sequinhas. Elas vão endurecer e serão esfareladas por cima da salada no final.


Pique o maço de couve em tiras grossas, cerca de 1,5cm. Misture a couve com metade dos croûtons e 1/3 de xícara do vinagrete. Deixe repousar por uns 10 minutos. Agora é só montar!


Acrescente na couve a abóbora, avelãs, a cebola que estava macerando (sem o liquido! acrescente o liquido só no final, se for necessário ajustar o ácido, se não, descarte), o resto do vinagrete, o resto dos croûtons. Mexa para encorpar todos os sabores nas folhas, avelãs, e abóbora.


Finalize quebrando a sálvia frita por cima da salada.



Como fazer vinagrete de balsâmico com vinagre de vinho tinto:


Ingredientes:

1 cebola roxa picada fino

2 colheres de sopa de vinagre balsâmico

2 colheres de sopa de vinagre de vinho tinto

8 colheres de sopa de azeite

Pimenta do reino

Sal a gosto


Como fazer:

Pique finamente a cebola e deixe de molho no vinagre por pelo menos 15 minutos.

Depois misture a pimenta do reino, uma pitada de sal, e o azeite. Mexa bem, prove para ajustar o sal e reserve.



Como fazer croûtons sem glúten


Ingredientes

1 pão sem glúten da sua preferência (comprei um no mercado mesmo)

1/3 xícara de azeite de oliva

2 - 3 dentes de alho ralado ou espremido

1 pitadinha de orégano

Sal a gosto


Como fazer:

Corte o pão em fatias grossas, de aproximadamente 2 dedos, depois corte em tiras de 2 dedos e por fim em cubos de aproximadamente 2 dedos. A ideia é que fique um pouco grandinho mesmo, pra poder ficar crocante por fora e macio por dentro.


Misture o alho, azeite e o orégano e espalhe sobre o pão. Mexa pra encorporar azeite em cada pedacinho. Se necessário adicione mais. Distribua em uma forma, deixando apenas uma camada de pão, com espaço entre eles, para circular ar.


Asse a forno pré aquecido 200oC por cerca de 17 minutos, ou até dourar. No meio do tempo vire os cubinhos para dourar todos os lados por igual. Deixe esfriar na forma, em uma única camada, para não juntar vapor e ter um resultado crocante.



14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo