• Sarah

Braseado de carne

Atualizado: 27 de Jul de 2020

Estou muito ansiosa pra finalmente executar uma das receitas do livro Sal, Gordura, Ácido e Calor e a primeira receita que escolhi foi um braseado de carne bovina.

No livro a Samin fala muito sobre braseados, como o sabor compensa todo o tempo de forno. E pessoal, posso dizer que demorou muitoooo tempo no forno mesmo. Mas valeu a pena cada segundinho.

É uma preparação muito simples, que me ajudou a me familiarizar com técnicas culinárias especificas. É uma receita que ajuda a entender o funcionamento do calor no alimento e que é feita muito tempo antes da hora do jantar, e pode ser totalmente esquecida no forno, pois não irá queimar.


Quando comemos o sabor invadiu toda a boca, com uma textura perfeita e extremamente macia. Pra mim é a evolução da carne de panela, e ficou perfeito.


Pra carne eu usei fraldinha, mas ela recomenda carnes mais duras e gordurosas até, como acém, por exemplo. Também é possível fazer a mesma receita com outras proteínas, como frango e carne de porco.






Braseado de carne


Ingredientes:

1 Peça grande de carne, cortada em pedaços menores (fraldinha, acém, ossobuco ou outra, de sua preferência)

1 1/2 Cebola

1 Alho poró

3 Dentes de alho

Ervas que você gosta. Usei tomilho, louro e orégano

Suco de limão ou algum outro ácido de sua preferência

Água

Sal


Antes de começar: salgue a carne. De preferência um dia antes. Se não conseguir, salgue pelo menos com duas horas de antecedência.


Salgar a carne com antecedência é um dos fundamentos desse livro. O sal é um dos responsáveis pela textura final da carne. Ele precisa se infiltrar em todos os pedacinhos, salgando de dentro pra fora, para você ter um braseado de carne suculento e saboroso.


Modo de preparo do braseado de carne:

Leve uma frigideira para esquentar em fogo alto. Quando estiver bem quente, adicione azeite e sele todos os lados de cada pedaço da carne. Reserve.


Hora de selar e dourar os temperos. Adicione as cebolas picadas em pedaços grosseiros, o alho, alho poró e as ervas que deseja usar. Quando estiver dourado derrame aproximadamente 1/2 xícara de suco e limão na frigideira e com o auxilio e uma colher de pau raspe bem o fundo. Não se preocupa, esse queimadinho vai dar sabor para a comida e não deixará com gosto de queimado! Se for necessário adicione mais água ou suco de limão para raspar bem o fundo. Deve formar uma espécie de molho.


Quando chegar nesse ponto, retorne a carne para a frigideira, ou forma/panela. Veja se será necessário adicionar água. É importante ter um pouco de liquido na forma para não queimar a carne, mas esse liquido não deve ultrapassar 1/3 da altura da carne.


Então, sua forma ou frigideira deve ficar com as seguintes camadas:

- Ervas (ervas e temperos, que você não quer que queime, ficam na parte mais baixa, em contato direto com o liquido)

- Temperos

- Liquido (não deve ultrapassar 1/3 da altura da carne)

- Carne


Agora é hora de levar para o forno. 160oC por aproximadamente 4 ou 5 horas, ou até ficar macio, descolando do osso ou desfiando com o toque.












4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo